DIU de cobre

Será que posso usar DIU? A informação é a melhor forma de responder a essa pergunta que muitas mulheres fazem, por isso preparamos um guia com tudo que você precisa saber sobre este método contraceptivo.

O que é DIU?

A sigla é uma abreviação de dispositivo intrauterino, um método contraceptivo reversível com eficácia de 99,3%.

O DIU é colocado dentro do útero e pode conter ou não hormônios. Assim como na imagem, ele é uma pequena haste no formato das letras T ou Y, feita de cobre, prata ou polietileno.

Existem contraindicações para o uso do DIU?

  • Anormalidade anatômica do útero ou do canal do colo uterino;
  • Infecção ou inflamação ginecológica ativa;
  • Gravidez ou suspeita de gravidez;
  • Mioma que distorça a cavidade uterina;
  • Câncer de útero ou endométrio;
  • Alergia ao material do DIU.

Como o DIU é colocado?

O procedimento é simples e pode ser feito no consultório. Na PopClini, sua clínica popular em Porto Seguro, você pode fazer o procedimento com Dr. Pedro Augusto de Carvalho, Ginecologista e Obstetra.

A haste fica implantada dentro do útero e uma cordinha ligada à extremidade inferior do DIU é deixada dentro da vagina. O fio é fininho e fica muito próximo à saída do colo do útero, de modo que não é sentido pela paciente.

Atenção: apenas um médico ginecologista pode colocar o DIU no interior do útero de forma segura e efetiva.

O DIU tem efeitos colaterais?

Algumas mulheres relatam aumento do fluxo menstrual e cólicas após inserirem o DIU de cobre ou prata, mas isto não é uma regra. Geralmente os efeitos costumam melhorar após os três primeiros meses do procedimento. Já os DIUs hormonais não têm tantos efeitos colaterais, pois seus hormônios previnem esses sintomas.

Como o DIU funciona?

A haste do DIU fica no útero da mulher por um período que varia de 5 a 10 anos liberando íons ou hormônios que deixam o ambiente menos propício para a fecundação. Enquanto os DIUs de cobre ou prata liberam íons que dificultam a mobilidade dos espermatozoides e tornam o útero um local hostil para eles, o DIU hormonal afina o endométrio e alterando o muco cervical, tornando o local menos propício para fecundação.

O DIU causa infertilidade?

Não. O dispositivo só funciona enquanto está dentro do útero e ele pode ser retirado a qualquer momento por um profissional.

E aí, ainda tem dúvidas sobre o DIU? Conta para a gente nos comentários. Se quiser saber se você pode usar o DIU, agende uma consulta com o Ginecologista!

Postagens Recomendadas