1,5 milhão de brasileiros ainda não foram tomar a segunda dose da vacina contra a COVID-19

Na primeira quinzena de abril de 2021, o Ministério da Saúde divulgou um dado preocupante: 1,5 milhão de brasileiros que deveriam ter tomado a segunda dose da vacina ainda não havia tomado.⠀

Mas você sabe por que isso preocupa as autoridades?⠀⠀

Tomar apenas uma dose, além de não promover a proteção necessária contra a doença, pode ocasionar o desperdício da primeira vacina aplicada.⠀

As vacinas que estão sendo aplicadas no Brasil têm a seguinte eficácia:

  • CoronaVac (Butantan) – 50,38% e 100% contra casos graves;
  • Oxford/AstraZeneca (Fiocruz) – 82,4% e 100% contra casos graves.

Mas é importante lembrar que estes números valem apenas para aqueles que tomarem as duas doses. Isso porque o sistema imunológico precisa das duas doses para ativar a produção das defesas necessárias contra a doença causada pelo novo coronavírus.

COVID-19: por que precisamos tomar a vacina logo?

Não tomar a segunda dose pode gerar uma falsa sensação de proteção. Além disso, a demora excessiva entre primeira e segunda dose pode gerar necessidade de repetir a primeira dose, reiniciando assim todo o esquema de vacinação.

Os dados de estudo mostram que a pessoa fica resguardada com duas doses da vacina. Por isso, se ela toma apenas uma, não completa o esquema e não está vacinada adequadamente.

Outro fator importante de ser lembrado é que quem já teve COVID-19 precisa tomar as duas doces da vacina. Apesar da doença gerar uma imunidade, não há informações sobre a duração e nem a qualidade dessa imunidade. Já foram registrados casos de reinfecção, inclusive no Brasil.

Quais são os sintomas da COVID-19?

Se você faz parte dos brasileiros que estão com a segunda dose da vacina atrasada, procure um posto de vacinação o quanto antes! Tem mais alguma dúvida sobre as vacinas? Conta para a gente nos comentários!


Postagens Recomendadas